Follow by Email

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

NOVEMBRO AZUL

NOVEMBRO AZUL
Acabamos de sair do Outubro Rosa e entramos no Novembro Azul. O que significa rosa e azul? São campanhas de conscientização para a saúde da mulher (rosa) e a saúde do homem (azul).
Em outubro a ênfase foi na prevenção do câncer de mama e agora, a temática é a prevenção do câncer de próstata.
Apoio todo o tipo de campanha que tem o objetivo de alertar para os riscos da não prevenção.
Toda mulher e todo homem deve procurar ajuda médica preventiva, afinal de contas, com a doença não se brinca.
As mulheres não têm preconceito, elas acatam melhor do que os homens o fato de procurar um médico, já os homens, grande parte são preconceituosos.  Os homens procuram os médicos quando já não tem mais jeito, no último caso, é muito triste esta realidade.
Novembro Azul veio para alertar os homens a respeito do perigo do câncer de próstata, é momento de procurar a ajuda preventiva, afinal de contas, é melhor prevenir do que remediar.
E o que falar da saúde espiritual? Será que vai bem sua vida com Deus?
Você está saudável espiritualmente ou anêmico. Você tem prazer na Lei do Senhor, tem alegria de estar na igreja com os irmãos?
Você compartilha Jesus com o seu próximo? Se você está desanimado, é sinal que a sua saúde espiritual vai mal.

Deus disse a Josué “Tem bom ânimo, eu estou contigo”, busque a ajuda de Deus, tenha uma vida espiritual saudável.

terça-feira, 16 de setembro de 2014

FORMATURA NO HAGGAI

De 19 a 23 de Julho de 2014 participei do Seminário Nacional de Liderança Avançada do Instituto Haggai. Foi muito gratificante, conheci pessoas de diversos lugares do Brasil. Fui desafiado a transformar os meus sonhos em projetos de Deus.
Louvo a Deus pelas ferramentas que o Haggai passou, vou usa-las para a glória de Deus.
Dia 30 de Agosto participei do exame de credenciamento de docentes Haggai em Campinas, foi uma experiência gratificante, no final fui aprovado com média acima de 9,0. Louvo a Deus pela oportunidade de servir através do Instituto Haggai.




terça-feira, 2 de setembro de 2014

INDEPENDÊNCIA E VIDA

INDEPENDÊNCIA E VIDA 
Dia 07 de Setembro é comemorado a Independência do Brasil, evento ocorrido em 1822. O futuro imperador do Brasil Dom Pedro I proclama a independência.
O Brasil era uma colônia de Portugal, agora, sendo independente dava passos largos para se tornar a nação que hoje é. Somos gratos a atitude de Dom Pedro I, que, corajosamente fez a sua parte.
No campo espiritual precisamos de independência também, a Bíblia diz que somos escravos do pecado. Nascemos em pecado, o salmista diz que em pecado a sua mãe o concebeu.
O pecado afasta o homem de Deus, em Romanos 6.23 diz que “O salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna.”
Se queremos ter vida eterna, se desejamos viver eternamente, é necessário rompermos com o pecado. A decisão de abrir mão do pecado e abraçar o evangelho de Cristo é fundamental.
Não podemos viver dependentes do pecado, é necessário viver por Cristo e para Cristo. Ser dependente de Jesus.
Quando tomamos esta decisão passamos a ter vida plena, vida completa e vivemos na dependência de Deus.
Viva uma vida nova, uma vida que vale a pena ser vivida e que Deus te abençoe pela escolha que você fez.

quinta-feira, 1 de maio de 2014

INTERCÂMBIO ENTRE AS SUBSEÇÕES CAMPINAS E ADJ. E ESPERANÇA


Dia 30 de Abril aconteceu o encontro entre duas Subseções da Ordem dos Pastores Batistas do Brasil, a Esperança e Campinas e Adjacências, nas dependências da Faculdade Teológica Batista de Campinas. O encontro começou com um delicioso café da manhã.
Foi um encontro inspirativo com a participação de 50 pastores e alguns membros de nossas igrejas.
O encontro foi conduzido pelo Pr.Jairo Gonzaga (IB Nóbrega-Campinas-SP), atual presidente da Subseção OPBB-SP Esperança.
Trouxe a palavra de Deus aos corações dos pastores o Pr.Elinaldo Pita (IB Memorial de Santa Bárbara do Oeste-SP), o mesmo falou sobre “Diminuir para crescer” com base em João 3.22-30.
O intercâmbio teve louvores, onde todos cantavam com entusiasmo para honra e glória de Deus.
O presidente da Subseção OPBB-SP Campinas e Adjacências Pr.Cleverson Pereira do Valle agradeceu ao Pr.Antonio Lazarini pela hospitalidade na Faculdade Teológica.
Usaram da palavra o Pr.Marcílio Gomes Teixeira (Diretor Executivo da Associação Batista de Campinas e Adjacências), Pr.Helder Ticou Didoff (Junta de Missões Nacionais-SP), Pr.Ordalho (Representante da JMN na região de Campinas), Pr.Manoel Pedro (Representante da Macro Região Campinas da CBESP), Pr.Antonio Lazarini (FTBC) e o missionário entre os índios.

Louvamos a Deus por tudo o que aconteceu, com certeza este foi o primeiro de muitos encontros que teremos entre as duas subseções.
Pr.Arnaldo Nunes



Dando recados aos Pastores



Pr.Helder


Pr.Jairo Gonzaga


Louvor


Pr.Manoel Pedro

Pr.Marcilio

Pr.Ordalho


Pr.Paulo Amaral

Pr.Pita

segunda-feira, 28 de abril de 2014

VAMOS NÓS TRABALHAR

 Estamos na semana em que acontece o feriado do Dia do Trabalho. Devemos agradecer todos os dias a Deus pelo trabalho. É Ele que abre as portas de emprego, é Ele que nos dá saúde para trabalhar.
Infelizmente muitos reclamam do trabalho. Aliás, algumas pessoas querem um emprego e não trabalho.
Quando termina o domingo já começam a reclamar, a expressão “Amanhã é segunda-feira” é conhecida como lamentação.
Aguardam com expectativa a sexta-feira, pois este dia é sinônimo da chegada do descanso.
É necessário afirmar que o trabalho é uma dádiva de Deus, e é através dele que conseguimos os recursos para viver o dia a dia.
Em Gênesis 1.28 temos uma ordem divina para o homem trabalhar na terra, é importante dizer que o trabalho veio antes da queda do primeiro casal.
Se o trabalho começou antes da queda (antes do pecado), então, o trabalho não é consequência do pecado.
Sem trabalho o ser humano não é ninguém, como é triste perder o emprego, ficar ocioso. As pessoas são valorizadas porque estão em atividade.
Jesus certa feita disse: “Meu Pai trabalha até agora, e eu trabalho também” João 5.17
As formigas são colocadas como exemplo de dedicação na Bíblia, a expressão “vai ter com a formiga ó preguiçoso” é muito forte.
Vamos nós trabalhar somos servos de Deus é um hino que cantamos em nossa igreja, a letra desta canção mostra qual a nossa condição, somos servos.
O servo deve trabalhar para o seu Senhor, dar o melhor de si, fazer o que tem que ser feito com alegria.
Vamos nós trabalhar, com dedicação e sem murmuração. Esta é a nossa responsabilidade.


segunda-feira, 21 de abril de 2014

VIVA CADA DIA COMO SE FOSSE O ÚLTIMO

VIVA CADA DIA COMO SE FOSSE O ÚLTIMO
Este ano fomos surpreendidos com várias mortes rápidas. O ator global José Wilker, pegou todos de surpresa com sua morte. O narrador esportivo Luciano do Valle, também deixou este mundo de uma forma rápida.
Notícias da partida de pessoas conhecidas e de forma abrupta, pega a todos de surpresa.
O fato é que todos nós passaremos pela morte, quer queiramos ou não.
Ninguém está preparado para morrer, todos querem viver. Conheço um homem de 97 anos que só pensa em viver. É natural em todos nós, não aceitamos a ideia da morte.
Perguntaram para Luciano do Valle se ele estava preparado para encerrar a carreira, ele disse em entrevista a ESPN que não queria parar, ele tinha outros projetos para a sua velhice.
Em Hebreus 9.27 diz: “E, como aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo depois disso o juízo,”
A morte acontece porque todos pecaram, a Bíblia registra em Romanos 3.23 assim: “Porque todos pecaram e estão destituídos da glória de Deus”.
Sabendo que a morte é uma realidade, devemos viver cada dia como se fosse o último.
É necessário estar preparado para a morte, sabendo que após a morte há vida em Jesus.
Como podemos estar preparados para a morte? A Bíblia também responde: “Em verdade, em verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna e não entra em juízo, mas já passou da morte para a vida.” João 5.24
Precisamos crêr em Jesus Cristo, aceitar o sacrifício Dele por nós. Só assim teremos a certeza da vida eterna, passaremos a eternidade com Cristo.
Então, viva como se fosse o último dia. Ninguém sabe o dia da sua morte, por isso, viva intensamente.