Follow by Email

quinta-feira, 19 de julho de 2012

HOMOFOBIA



Presidente do COMEAN se posiciona sobre entrevista de Raoni Zopolato


No último sábado, dia 14, o Portal Nogueirense publicou uma entrevista com o organizador da 1ª Semana do Orgulho LGBT em Artur Nogueira, Raoni Zopolato. Depois que a entrevista foi publicada, o presidente do Conselho de Ministros Evangélicos de Artur Nogueira, Cleverson Pereira do Valle, pediu direito de resposta e se posicionou a respeito de um trecho do depoimento de Zopolato. Segue na íntegra:
Foi dito pelo Senhor Raoni Zopolato que: “A Comunidade Evangélica está nos apedrejando como se não conhecêssemos a Bíblia”.
Como Presidente do COMEAN (Conselho de Ministros Evangélicos de Artur Nogueira), não concordo com esta afirmação. Não estamos apedrejando ninguém, somos pacíficos e não violentos.
Seguimos os ensinos de Jesus “Nisto conhecerão todos que sois meus discípulos: Se tiverdes amor uns aos outros.” João 13.35
“O meu mandamento é este: que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei.” João 15.12
A Comunidade Evangélica tem demonstrado amor através de atos de serviço.
Exemplos: Alimentando pessoas que estão com fome, doando roupas as famílias carentes, oferecendo atos de serviço como corte de cabelo gratuito, recuperação de dependentes químicos, oferecendo abrigo aos desamparados e muito mais.
Pautamos as nossas vidas nos ensinos das Sagradas Escrituras (Bíblia) e respeitamos todos os cidadãos. Somos contra qualquer tipo de violência, seja ela física ou verbal.
O fato de amar alguém não significa que concordamos com tudo o que ele faça. Exemplo: Eu amo meus pais, se eles errarem, vou continuar amando, embora repudiando o erro deles.
O que estranhamos é a tentativa de colocar uma mordaça em nós, querem nos calar, não podemos mais citar um versículo bíblico, emitir uma opinião é considerado agressão, não podemos deixar de falar a verdade, pois, “Nada podemos contra a verdade, senão a favor da própria verdade.” 2ª Coríntios 13.8
Convido todos os cidadãos Nogueirenses, independente de cor, raça ou sexo, a visitar uma de nossas igrejas. Afirmo que todos serão bem recebidos e acolhidos na família cristã.

Nenhum comentário: